4 de nov de 2011

O que muitos vivem,e poucos sabem lidar

    Faz tanto tempo que eu chego a nem lembrar mais, cartinhas de amor, presentes sem motivo, já nem sei o que é mais. O amor mudou, a gente mudou. Mas se existe ainda amor, o que pode ser tão forte para nos separar desse modo? Ás vezes eu acho que é a cabeça, a nossa e a deles (que ás vezes dá maus conselhos sem querer).
440194964_rbaviq7b_c_large    Muitas vezes eu achei que o amor fosse o bastante, mas não é. E eu tenho desgosto de dizer isso, porque com você,baby, foi assim. Tudo foi intenso, maravilhoso, bom, lindo, mas hoje não é mais assim, ainda sinto aquele sentimento, mas as coisas não estão mais belas como antes. Quando to com você sinto dor e amor ao mesmo tempo, queria não te amar, te olhar e não sentir nada, mas se me perguntam por você meus olhos brilham e automaticamente sinto uma tristeza e vontade de nunca mais te amar, pois você não está comigo, pensa em outra. Ou quando tá comigo, não me trata com aquele carinho que só você podia me da, esse carinho que você um dia me deu, você dá para 'elas'. 
    Essas 'elas' que não estiveram com você quando você chorou, que não cuidaram de você como eu cuidei, que não sofreram junto contigo quando não passaste no vestibular, que escuta mesmo não entendendo os teus lamentos. Eu mesmo sofrendo, to com você,e quero estar com você. Eu sou uma burra não é? Querer tá com alguém que não te valoriza e não ama da mesma forma, isto é, se ama.
    Quando penso sobre amor, eu penso que sei tudo, mas a verdade é que eu não sei nada. Posso supor apenas o que eu acho, mas isso é tão perturbador. Amor é algo forte, mas eu não queria que tivesse acontecido há 4 anos atrás.

3 de nov de 2011

E o que é ruim mesmo?

A vida vem mudando a cada dia mais, e é incrível como algumas pessoas fazem a total diferença em nossas vidas, desde um sorriso até a primeira palavra que machuca. Não sei dizer bem o que pode estar ou não acontecendo,mas dentro de mim existe algo complicado.
Pessoas passam pela minha vida e poucas são aquelas que conseguem permanecer, e me mostrar coisas que eu não sabia nem que existia - ou se sabia,não tinha 'experimentado' - boas ou não,não importa. Porém, ultimamente eu tenho avaliado a minha situação eu-amigos e amigos-eu e percebi que muita gente me decepciona, assim como com certeza eu devo decepcioná-los. E, estou começando a perceber por quem realmente vale a pena. E fiz uma lista de coisas que as pessoas fazem - não necessariamente comigo - mas que me faz repensar várias vezes...
- te criticar de modo que você não se sinta bem;
- pensar que você não é capaz de algo;
- procurar a sua amizade apenas quando é conveniente;
- Não da o devido valor na sua amizade;

Talvez seja isso que me faz querer me afastar, pode ser meu desejo de querer algo novo,ou simplesmente cansaço mesmo.  

4 de jun de 2011

O livro

Ele é a única coisa pela qual eu temo sentir você por perto,é o que me
faz lembrar que temos pelo menos alguma coisa em comum,depois de te conhecer tão pouco.
É o que trás minhas poucas lembranças do teu rosto... Que ás vezes eu até esqueço.

30 de abr de 2011

Bom demais.

Na primeira vez que te vi você nem me interessou;
Na segunda me deu algum tipo de impressão
e já na terceira não havia percebido o quanto 
você me consumia.
Não foi recíproco,e geralmente é.
Manias,olhares,sorrisos e respostas,tem algo melhor do que
reparar isso em você?!
Fui me acostumando,até que não consegui mais. 
Falei!
Berrei em minha mente o quanto eu gostava de você,e
quando eu fico dias sem saber algo teu,eu enlouqueço.
Teu abraço tão sem jeito é
um dos teus melhores carinhos.
Apenas queria dizer a você que eu sou
assim mesmo. 
Uma chata. Porém,uma das pessoas mais 
verdadeiras que tu pode ter conhecido,não
gosto de me gabar,mas estou dizendo a verdade.
Mas porque de tantas surras sentimentais?
Nunca havia tocado nisso até hoje...
Uma hora você é o interessante e em outras
é o interessado.É estranho.
Desejo que um dia,todos nós podemos encontrar
aquilo que nos falta.E menos egoísmo,por favor.

17 de abr de 2011

Pequeno pensamento,

É muito (in)comum o preconceito hoje em dia,estamos acostumados a lidar com vários tipos de pessoas,mas o preconceito surge aonde menos esperamos,e vem de qualquer pessoa,não importando sua etnia. Existem pessoas que se dizem não preconceituosas,mas sabe que lá no fundo tem algum tipo de preconceito seja com gente de baixa/grande renda,raça,opção sexual e afins.
Uma vez estava no ônibus pensando em uma frase que muitas pessoas falam,que é: Preconceito é opinião sem conhecimento.Será mesmo? Sei que existe muitas pessoas desinformadas sobre determinados assuntos,mas e aquelas que não são e praticam o ato? Essa frase ainda vale à elas? Eis uma questão que não sei se alguém
do blog tocou no assunto. 
Não sou ninguém pra ficar julgando,mas acho que até mesmo eu seria hipócrita se não admitisse que não tenho aversão a algo. E eu tenho quase certeza,de que se alguém ler esse meu pequeno pensamento,vai dizer: Não,eu não! Mas eu digo: Sim,você sim! 
Bom,sou uma pessoa pouco crítica e meus pensamentos se resumem em poucas palavras. FIM.

10 de abr de 2011

Diálogo com um idiota. (invísivel)

cara,qual é a tua?
Sabe,uma hora você quer,outra você não quer,eu não entendo!
Você pode me ler? Me ouvir?
Eu gostaria muito de te conhecer,e queria que você me conhecesse,mas não é possível,ou sim.
Seus códigos para mim são indecifráveis. Sua fala é monótona,seu jeito ídem. Mas o que você tem que me faz ficar tão ligada em você? Que raiva,cara. Odeio me sentir um nada,pois é assim que tu faz eu me sentir,não que seja proposital.
E vamos admitir,você não é tão bonito.Porém,vamos admitir também: você me faz sonhar.
Uma coisa é certa,não sei,talvez não: você não é pra mim,e eu não sou pra você. E assim vamos vivendo..

31 de mar de 2011

Pessoas por quem não vale a pena viver,mas sim..

você vive por elas.
Aquelas que pisam em você,te humilham de todas as maneiras,mas você não vive sem! Quando você está com problemas busca alguém reconfortante,uma pessoa que te diga coisas que façam a vida valer...Mas quando está a procura: ''Cadê?'' 
É,ela não está.


Uma vez ouvi uma história de um garoto que não soube dar valor em uma garota (típico né?),e sim,ele a perdeu,mas não acho que ela tenha morrido pensando nele,pelo contrário,ela chorou e riu daquilo depois,pois com certeza achou alguém melhor que ele.Sempre achamos alguém melhor que a pessoa anterior,talvez por nos tornarmos seletivos. Não creio que valha a pena chorar por qualquer pessoa,ou por qualquer idiota que aparece na nossa vida.